Conheçam a Maior Câmera Digital do Mundo: Legacy Survey of Space and Time! | Marcus Vinicius Pavan | Fotografia

Conheçam a Maior Câmera Digital do Mundo: Legacy Survey of Space and Time!

categorias: diversos
tags: , , , ,
publicado: 13/10/2022


 

Pesquisadores do laboratório SLAC estão quase completando a criação da câmera Legacy Survey of Space and Time (LSST) após sete anos. Esta é a maior câmera digital já construída no mundo e será usada para uso na astronomia.
 

As dimensões e o peso da câmera são impressionantes: ela pesa três toneladas e é do tamanho de um carro pequeno. Ele precisa dessas dimensões para acomodar uma lente de 1,57 metros de diâmetro e um sensor digital com resolução de 3200 megapixels (3,2 gigapixels). Vale ressaltar que essa lente já entrou para o Livro Guiness de Recordes. Além disso, há um dispositivo a bordo da câmera para resfriá-la a -100 °C para reduzir a distorção.
 


 

A câmera de grande angular, tem abertura que consegue captar frequências de luz, que vão de ultravioleta, até frequências que se aproximam no infravermelho. Usa ainsa 189 sensorea de carga aclopadas (CCD). O laboratório explicou que ela é capaz de capturar um campo de visão que permite a captura de uma área 40 vezes o tamanho da lua (3,5º de campo de visão).
 

A câmera gigante será colocada no Telescópio de Pesquisa Simonyi do Observatório Vera C. Rubin, no Chile. A missão do LSST é observar o céu noturno por uma década a fim de acumular dados que prermitam entender coisas do universo, que ainda são misteriosas, incluindo a natureza da energia e matéria escuras. Durante a operação, o detector de 3,2 gigapixels coletará 15 terabytes de dados diariamente para estudar 37 bilhões de estrelas e galáxias.
 


 

Embora a câmera esteja quase pronta, ainda existem alguns componentes que precisam ser adicionados. A chave para o seu funcionamento são seis filtros instalados na lente. Cada um desses filtros tem um revestimento que permite que a luz passe apenas um determinado comprimento de onda, e eles são criados em dois lugares: Massachusetts e Provence, na França. Agora eles estão aguardando a instalação.
 


 

Uma vez instalada, a câmera passará por testes finais antes de ser embalada para a longa viagem ao sul, que acontecerá em um avião de carga Boeing 747 especial. Após a instalação no Observatório Vera C. Rubin, a equipe espera que a câmera receba as primeiras fotos em 2024.
 

Fonte: Ueba

Gostou do Post?
Dê um CURTIR, COMPARTILHE e faça um COMENTÁRIO:



Layout Marcus Vinicius Pavan | Finalização Lucas Aguilera | Programação Rodrigo Caetano